3 aspectos da sua empresa que são afetados pela gestão de cadastros

O que é saneamento de cadastros

No ambiente corporativo, saneamento de cadastros significa atualizar, retirar ou complementar as informações dos sistemas informatizados de uma companhia.

Além disso, nunca é demais ressaltar que se trata de uma ação recorrente, um ciclo que não tem fim, ainda assim extremamente necessária.

Isso porque com o advento do SPED, o empresário precisa ter muito cuidado com as informações que estão sendo geradas em seus sistemas e precisa de ferramentas tecnológicas que o ajudem, de forma segura, no processo.

Contextualização feita, vamos a três aspectos do seu negócio que podem sofrer impactos se você negligenciar cuidados com o saneamento de cadastros!

CONHEÇA TAMBÉM o que muda no novo leiaute da NF-e e NFC-e

1-    Planejamento e a saúde financeira

Não é exagero dizer que se o setor compras é mal gerido, todos os outros departamentos sofrerão as consequências, pois ele é exatamente onde a fonte de renda está.

Afinal, saber exatamente o que há no alicerce da sua cadeia de fornecimento evita gastar capital com produtos obsoletos e desnecessários, algo fundamental para realizar as aquisições de forma eficiente!

Cadastros incorretos ou duplicados também podem fazer com que você comercialize seus produtos com preço de venda abaixo do ideal, comprometendo seus lucros sobre ele.

2-    Conformidade com órgãos fiscais

O saneamento de cadastros é importante porque garante eficiência na emissão de documentos eletrônicos (NF-e, CT-e, etc), evita notas denegadas ou rejeitadas e mantém informações importantes em segurança e constante atualização.

Como já falamos algumas vezes aqui no blog, o SPED não perdoa: quando entra uma mercadoria no estoque, se for cadastrada por equívoco várias vezes, como item e tributação diferentes, a empresa terá problemas com o fisco!

Por isso, ao cadastrar um produto o responsável deve ficar atento aos novos campos que foram criados para o projeto NF-e.

Só assim será possível evitar a informação incorreta de base de cálculo de impostos e outros erros que podem gerar um passivo tributário e também comprometer a imagem do seu negócio.

3-    Comunicação interna estratégica

Como sabemos, dados são o novo petróleo das empresas. Quando existe um padrão na hora de cadastrar os materiais, esse padrão é rico em dados e possibilita a geração de relatórios completos que podem gerar insights preciosos para a condução do negócio!

Dessa forma, a governança de cadastros torna-se um suporte essencial para a tomada de decisões ancoradas em projeções e análises fundamentadas.

Sem falar que a padronização trazida pelo saneamento dos cadastros nivela a comunicação entre os colaboradores, que sabem como cadastrar corretamente ou localizar um material nos registros da empresa.

Essa melhoria significativa da comunicação interna se torna estratégica e certamente reflete na relação da empresa com fornecedores, clientes e mercado.

Não sabe por onde começar a sanear seus cadastros? Veja aqui uma ferramenta automatizada da Midas que vai lhe ajudar.

Até semana que vem e não esqueça de deixar seu comentário no post!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *